“A gente não dá certo juntos, e nem separados. Também não damos certo como um casal, nem como amigos e muito menos meros conhecidos. A gente não da certo de maneira nenhuma! Mas temos química. Química em excesso. E talvez seja por isso que eu nunca consegui desistir de nós.”



A distancia não é nada
quando alguém é tudo.
1 2 3 4 5 6 7 8 »
theme by sk8er-girl; detalhes por deslocado.

(Source: vibesunset, via tajmahhal)


2 years ago · 531 notes · originally from vibesunset · reblog this


E ele dizendo o quanto queria me ver de novo. Mas a vida é complicada. E eu dizendo o quanto queria que ele realmente quisesse me ver de novo. Mas ele é complicado.
Tati Bernardi. (via icanbefixed)

2 years ago · 20,058 notes · originally from tajmahhal · reblog this


E eu passei os últimos anos escrevendo sobre como você era especial e como eu te amava e isso e aquilo. Mas chega disso.
Tati Bernardi. (via icanbefixed)

2 years ago · 585 notes · originally from tajmahhal · reblog this


(via tajmahhal)


2 years ago · 291,176 notes · originally from truelove-photos · reblog this


Tudo poderia ter sido diferente se você tivesse me ligado naquela madrugada que a saudade cortou seu peito e trouxe seu coração até a boca. Palavras perdidas vagavam sua mente: o que dizer? Como dizer? Simples, existem coisas que não precisam ser ditas para serem entendidas. Ao ver o seu nome piscando, me chamando e gritando por bandeira branca, eu entenderia. Mas tudo bem, você era um soldado clamando por guerra e optou por lutar contra a sua vontade até o último minuto. Abrir mão do orgulho nunca foi seu ponto forte. Mas quer saber? Tudo poderia ter sido diferente. Hoje você está aí, ouvindo uma música aleatória e lembrando do dia em que cantamos juntos no carro; hoje você olha para um casal de namorados e pensa que poderia estar no lugar deles. Sua cama nunca pareceu tão vazia e seu chão sente falta das minhas roupas jogadas. Sempre indiferente às perguntas dos amigos; ninguém nunca percebeu o quanto você sofre por ter tomado a escolha errada afinal, sua fortaleza sempre te protegeu de parecer um fraco. Mas eu sei, você sabe. A saudade dói, a vontade permanece e a oportunidade foi perdida. Dizem por aí que o tempo conserta tudo, vou ter que discordar. O tempo não conserta nada, ele só afasta as pessoas. Tudo poderia ter sido diferente se você tivesse me pedido desculpas por todos aqueles seus erros idiotas. Eu perdoaria, você sabe. Você chegaria com aquele seu jeito manso que sempre me encantou e eu diria que te odiava com todas minhas forças. Você acharia engraçado e diria que eu ficava ainda mais linda quando irritada. Sempre gostamos de soltar faíscas para pegar fogo, você lembra? Eu sei que lembra. Mas é essa mania de sempre achar que o outro tem que vir atrás que nos afasta. Por que eu devo pedir desculpas? Por que eu devo ligar? Por que eu tenho que ir atrás? Quer saber o por que? Vou te dizer então. Se os dois pensarem da mesma forma, o que era pra ser um grande amor vira uma grande piada onde os palhaços somos nós. Você vive a espera de que eu vá atrás e eu fico aqui sentada imaginando o porque de você não ter vindo. A troco de que? O que seu orgulho já te proporcionou? Seu orgulho te esquenta em noites frias? Seu orgulho manda mensagens de boa noite? Seu orgulho te dá abraços e diz que tudo vai ficar bem? Não. Fato é que meu orgulho já me livrou de boas decepções, mas sempre vai existir aquela pessoa encantadora que deixamos ir embora por causa do tão estúpido orgulho. Perder pessoas mas não perder o orgulho, que belo lema de vida. Tudo poderia ter sido diferente se naquele dia em que encontrou minha melhor amiga você tivesse perguntado como eu estava; ela diria que eu estava levando do jeito que podia e você teria sua resposta. Ela também estava com saudades. Tudo poderia ter sido diferente naquele dia em que topei com você na boate; você me daria um beijo no rosto e conversaríamos como velhos amigos que não se viam há muito tempo. Mas você preferiu beber igual um louco e agarrar o maior número de mulheres possíveis na minha frente. Tudo poderia ter sido diferente se você parasse de tentar se enganar e de dizer para si mesmo que novas pessoas surgirão. Novas pessoas surgirão sim; garotas lindas, inteligentes e que fariam tudo por você. Mas o problema de amores mal resolvidos é que eles nunca vão te deixar em paz. E se? Essa pergunta nunca vai sair da sua mente e você provavelmente nunca vai saber a resposta. Tudo poderia ter sido diferente se você não tivesse sido um idiota e se soubesse o quanto eu sentia sua falta; seus erros seriam esquecidos e começaríamos de onde nunca deveríamos ter parado. Você poderia ter agarrado a minha mão e me dado um beijo naquele momento em que eu estava indo embora. Mas agora eu estou longe. Superei, cresci, vivi. Bem que me disseram que não era para olhar pra trás pois você não viria. Agora é tarde, algumas oportunidades não voltam só porque você se arrependeu. E eu sei que você se arrependeu.
Isabela Freitas.  (via icanbefixed)

(Source: karevvv, via tajmahhal)


2 years ago · 1,809 notes · originally from karevvv · reblog this


Quando algo de bom acontece em sua vida, você começa a ligar os pontos. O que ficou para trás, tinha que ter ficado.
Tati Bernardi. (via icanbefixed)

(Source: desalojado, via tajmahhal)


2 years ago · 30,597 notes · originally from desalojado · reblog this


(Source: perfectmine, via tajmahhal)


2 years ago · 32,354 notes · originally from perfectmine · reblog this


Pode até ser que outra pessoa te tenha andando pela casa e dormindo na cama e pegando água na geladeira. Mas eu tenho você no meu fígado e rins e velas e artérias e sonhos e líquidos e células.
Tati Bernardi. (via icanbefixed)

(Source: marihually, via tajmahhal)


2 years ago · 71 notes · originally from marihually · reblog this


Passo cada segundo do meu dia me jurando ser indiferente com você. Você fala comigo, eu cumpro a promessa. Você não entende, pergunta se eu tô chateada e o que aconteceu. Não foi nada. Só tô cansada de você, de nós, de tudo isso. Tô de partida, malas feitas, mesmo você não acreditando. Pra não me cansar mais ainda, paro no ‘não foi nada’. E você sai, irritado e com um “tchau” que eu odeio mais que tudo. Mas já não importa, tchau pra você também. Afinal, nada pode ser mais difícil do que ficar na situação que eu tô a tanto tempo. Ser indiferente vai ser fácil. Dor é normal, se não for forte, eu já nem sinto mais. Sempre te tratei melhor que todos os outros, e o que você faz que te torna melhor que eles? Seguindo essa lógica, teria o direito de te tratar até mal. Mas não sou assim, uma pena. Acontece que agora eu não dou mais o meu melhor pra quem me dá pouco. Não corro atrás de quem não dá um passo por mim. Não faço festa quando alguém que sabe que eu tô louca de saudades e não move um dedo pra me ver, vem numa droga de chat e fala “E aí”. Te acostumei muito mal, mas agora vou desacostumar. Porque meu medo de ter perder, virou meu objetivo, então nada me prende. E se ir te matando aos poucos levar um pedaço de mim, que leve. Porque a dor de você na minha vida me afeta inteira e eu não aguento mais.
Tati Bernardi.  (via icanbefixed)

(Source: decifro, via tajmahhal)


2 years ago · 7,964 notes · originally from decifro · reblog this


Porque antes de dormir é a hora perfeita para sentir o soco no estômago.
Tati Bernardi. (via icanbefixed)

(via tajmahhal)


2 years ago · 147 notes · originally from devastad0-deactivated20130115 · reblog this


Eu preciso ir.
Por quê?
Pra não ficar pra sempre.
Tati Bernardi. (via icanbefixed)

(Source: desarmada, via tajmahhal)


2 years ago · 128 notes · originally from desarmada · reblog this


Ele sai sábado a noite e conhece três ou mais garotas diferentes; uma loira, uma morena, uma ruiva. Talvez uma asiática também. Leva pra cama a mais fácil. Bebe, enche a cara e fica bêbado o suficiente pra sentir o ego inflar no peito. Porque ele precisa disso. E é exatamente assim que todas essas garotas fazem ele se sentir. Ele conhece o acaso, se interessa por alguma mulher com corpo escultural e que dê atenção pra ele no domingo a tarde quando ele não estiver afim de assistir futebol. E liga pra ela as 3 da madrugada quase todas as noites para ocupar a cabeça e tentar fazê-la cair na dele. E ela cai. Porque ele é irresistível e tem um perfume maravilhoso. E com você ele não era assim. Chegava cansado em casa, estava ocupado a tarde nos fins de semana, às vezes até mentia só para ter que evitar sua companhia. Não atendia o celular e ficar acordado até as 3 da madrugada só se ele estivesse bêbado e em alguma festa com os amigos. Ele joga aquele mesmo papo de “você é linda” para quase todas as garotas e sabe exatamente como e onde isso te afeta. E você sente um ciúme carnal de todas as garotas pra quem ele dá atenção e do telefone dele tocando 24 horas por dia. Ele não age como se ainda se importasse com você, como se você fosse a garota mais linda do mundo e nem mostra lembrar de como era feliz, quando mesmo depois de estar cansado, ocupado ou mentir pra você, ainda era no seu nome que ele pensava quando diziam “faça um pedido”. Ele sempre odiou suas crises de ciúme, seu drama, sua falta paciência, seu jeito grotesco de criticar as amizades dele e de como impunha que atenção dele fosse totalmente sua. Ele sempre odiou suas manias chatas e aquela frescura de não-toque-em-mim-pois-sou-sensível-demais. Odiou sua comida ruim, seu sono exagerado e você não deixar ele ir a academia sozinho. Mas ele sempre amou você. Ele te despistava nos sábados a noite, mas queria passar o domingo inteiro com você. Ele pegava a primeira loira gostosa que via, mas seu telefone sempre tocava antes de dormir. Todas as noites. Inclusive na noite em que ele dormiu com a loira gostosa, a ruiva elegante e a morena superficial. E ele sempre dizia que te amava, que queria seu cheiro, seu abraço e que sentia sua falta. E você cedia. Você dizia “eu não vou mais atender”, “não vou mais me importar”, “não vou mais perdoar”, mas bastava ele dizer que era você que ele queria que você simplesmente cedia. Agora ele passa por você e levanta o queixo, enquanto você só observa. Ele tem sempre uma distração, uma amiga legal, uma festa bacana, um litro de vodka, uma música animada no celular, uma garota por quem ele se apaixone. E outra que seja caidinha na dele. Ele não te liga mais de madrugada, não atende seus telefonemas e você senta na cama com a cabeça cheia de “por que eu?”. Ele tem uma facilidade imensa de amar fácil, de querer fácil e fazer qualquer idiotice. E você ainda respira fundo e pensa “por favor, sinta minha falta”. Ele não se pergunta nada, ele tenta não pensar em você e faz de tudo pra te esquecer. Mas quem vai aturar aquele estado dele de eu-não-preciso-de-ninguém? Quem vai segurar a mão dele antes de dormir, mesmo bêbado e fedendo a cigarro e quem vai ficar mais um pouquinho sempre, mesmo sem ele pedir? Quem vai respirar fundo e contar até 10 só pra tentar fazê-lo ficar todas as noites, quem vai atender o telefone as 5 da manhã e ouvir ele reclamar daquelas mesmas coisas chatas de sempre? E quem vai pegar no pé, fazer birra e dizer a ele que essas garotas são péssimas pra ele? Quem vai fazer cara de criança de 5 anos e implorar um pouquinho de atenção sempre que ele quiser se sentir amado? A loira gostosa que ele comeu depois de uma festa, bêbado? A morena superficial que passou o número errado ou a que ficou no domingo inteiro porque ele estava entediado? Será que ela fica quando ele disser alguma coisa sem sentido só para afastá-la? Será que ela sempre vai insistir mais um pouquinho, e mais um pouquinho todos os dias? Quem vai acordar de manhã só porque o telefone toca as 7 horas quando ele perder o sono? Quem vai conhecer ele tão bem quanto você? Dá cabeça aos pés, até o último fio de cabelo. E quem ainda vem pensar quietinha todas as noites “eu podia fazer você inteirinho feliz”? Mas ele ainda tem a cama macia, a amiga simpática e o sexo casual. E pode se apaixonar por qualquer uma que dê atenção a ele durante os dias. Mas ele não vai esquecê-la como quem quebra, varre e joga para debaixo do tapete.
Rafaela Marques. (via icanbefixed)

(Source: profunda, via tajmahhal)


2 years ago · 4,849 notes · originally from profunda · reblog this


Por mais elegante, chique e bem comportada que uma mulher seja, ela vai se descabelar toda por causa de um vagabundo. É, ela vai descer do salto quando tiver ciúmes, vai chorar litros de lágrimas quando brigar com ele, vai dizer palavrões, coisas bizarras, mandá-lo para onde o sol não bate. É assim mesmo. Sempre irá haver uma sofisticada dama que morrerá de amores por um belo vagabundo.
A Dama e o Vagabundo. (via icanbefixed)

(Source: c0ntinue-anadar, via tajmahhal)


2 years ago · 38,659 notes · originally from c0ntinue-anadar · reblog this


Ela precisava de um tempo… E eu só precisava dela, cara. O quanto eu sou apaixonado por ela, ninguém no mundo jamais vai ser. Mas ela nunca soube disso. E o pior, ela precisava de um tempo, cara. Um tempo pra resolver seus problemas, seus relacionamentos e a vida. E eu só precisava dela. Precisava dela nos meus problemas, no meus relacionamentos e na minha vida. E uma parada dessa não é justa, cara. A gente sabe que não é. Querer algo que o mundo todo sabe que a gente nunca vai poder ter. Mas mesmo assim a gente teima em se enganar, a gente teima em continuar tentando mesmo que não dê em nada. E eu sempre fui um completo babaca, sempre fiz tudo errado. E essa era a pior verdade do mundo. Porque eu precisava entender ela. Eu precisava entender que ela queria manter distância porque não aguentava mais esse meu jeito. E eu até tentaria mudar por ela, se ela quisesse. Mas a outra pior verdade, é que ela gostava. Ela gostava de mim, do meu amor do avesso e dar minhas complicações. Ela gostava do meu jeito babaca, do meu sorriso torto e até do meu jeito grosso. E ela tava tão linda ontem, cara. E eu nem pude dizer isso a ela. Porque ela preferiu o tempo. E assim como ela insistia tanto nesse tempo, eu insistia tanto nela. E ela, no fundo, sabia que sempre iria voltar. Ainda que não quisesse, ainda que preferisse o tempo.
robin and stubb.  (via icanbefixed)

2 years ago · 2,547 notes · originally from tajmahhal · reblog this


Você merece alguém insanamente, inexplicavelmente, perfeitamente e completamente apaixonado por você. Abre teus olhos, esse alguém sou eu.
Tati Bernardi. (via icanbefixed)

(Source: sky-endless, via tajmahhal)


2 years ago · 46 notes · originally from sky-endless · reblog this